Diferentemente do tamanho, que oferece uma imensa quantidade de opções, existem apenas três opções de formato.

Ao consultarem um cirurgião plástico com a intenção de realizar uma mamoplastia de aumento, mamopexia com prótese, correção de assimetrias e reconstrução das mamas, a maioria das mulheres apresenta questionamentos importantes acerca do formato ideal das suas próteses. Diferentemente do tamanho, que oferece uma imensa quantidade de opções, existem apenas três opções de formato.

Essa escolha depende não só da expectativa da paciente a respeito do resultado final da cirurgia, mas também de fatores analisados pelo cirurgião como: biotipo, estrutura corporal e óssea, altura, distância entre o tronco e o quadril e as proporções do tórax. Independente do formato escolhido, a prótese será colocada a partir de uma incisão em um desses 3 locais: sulco mamário (logo abaixo da mama), auréola ou axila.

O formato redondo tem configuração semiesférica e proporciona um preenchimento harmônico da mama. Ele é o mais uniforme das três opções de prótese, pois o seu conteúdo é distribuído simetricamente. O resultado obtido após a colocação desse tipo de implante é o mais comumente desejado entre as mulheres pois permite o preenchimento do colo e dá destaque às mamas. O formato anatômico ou em gota possui um volume maior na base e proporciona um resultado mais natural. Ele é bastante utilizado em reconstruções mamárias pois não promove grande destaque às mamas. Por fim, há o formato cônico que possui maior concentração de volume na região central. Ele possui uma base estreita, ideal para pacientes com o tórax mais estreito. O volume no centro promove grande projeção das mamas, algo pelo que almejam, principalmente, as pacientes de mamoplastia de aumento e mamopexia com prótese.




Categorias: PROCEDIMENTOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Posts Relacionados

PÓS CIRURGIA

Recuperação Pós Cirúrgica – Mini-abdominoplastia

A miniabdominoplastia é uma cirurgia com um nível de complexidade muito menor do que a abdominoplastia normal, mas os cuidados pós-operatórios devem ser tão meticulosos quanto aos de quaisquer outros procedimentos. A incisão para realizar Leia mais…

IMPLANTE MAMÁRIO E PRÓTESE DE MAMA

Mastopexia – Cuidados durante a recuperação

A mastopexia, ou lifting mamário, é uma cirurgia plástica que consiste na remodelação do seio, reposicionando a aréola e o tecido mamário. Ela pode ou não ser associada à colocação de próteses de silicone ou Leia mais…

Lipoaspiração

Lipoaspiração – Acompanhamentos no Pós-Operatório

A lipoaspiração é um procedimento que não deixa cicatrizes grandes e aparentes. Oque pode fazer o paciente acreditar que o período pós-operatório será simples, mas, como em todo procedimento cirúrgico, são necessários cuidados específicos. Nas Leia mais…

%d blogueiros gostam disto: